A Primeira Conquista na Aresta Oeste do Pão de Açúcar.

Atualizado: Ago 1

Por: Flávio de Aguiar.

Fonte: Pedro Caliano.


Vocês conhecem a Via dosItalianos? Pois é a primeira via mais conhecida de nosso país lá fora. Fica na aresta Oeste do Pão de Açúcar. No entanto, antes que ela fosse conquistada, em 1980, houve uma via anterior que delineava uma reta quase do chão até a nossa famosa grutinha dos Italianos (ou do CEPI). Essa via foi conquistada por quatro italianos de um grupo chamado "Esquilos", da cidade de Cortina D´Ampezzo, na Itália. Em homenagem à cidade natal dos conquistadores, a via chamou-se "Cortina".


Esta via foi conquistada seguindo uma forma de progressão pouco usual - artificial, através de umas pequenas escápulas colocadas com espaço de 1,5m entre elas. Vamos esclarecer o que é isto: Imagine aqueles parafusos com uma argola na ponta, nos quais as mães gostam de pendurar plantas na varanda, com buchas Fischer de náilon. Pois é, a espessura desses pseudo-grampos era de 5/16 de polegada, ou seja, 0,7 centímetros.


Fique agora com a parte do relato publicado no jornal "O Globo", em 30/10/75, um dia após o termino da conquista.


Via Cortina: Franz Dellago, Giusto Zardini, Lorenzo Lorenzi e Luciano da Pozzo concluíram a escalada às 12h35, depois de 20 horas de trabalho na encosta do Pão de Açúcar. Tão logo se viram livres do pesado equipamento, os alpinistas e o diretor do Departamento de Turismo Cortina D´Ampezzo, Enrico Rossaro, brindaram à nova conquista com cerveja.


Sorridentes e surpresos com a névoa úmida que encobria toda a paisagem do Rio, os alpinistas italianos explicaram alguns detalhes da escalada. Disseram que a partir dos 100 metros iniciais - considerados os mais difíceis - precisaram alterar os planos traçados inicialmente devido à resistência da rocha.


Isso não estava previsto. Então, passamos a cravar os grampos de 20 em 20 metros, porque a rocha é muito dura e o calor era intenso. Essas foram as principais dificuldades que enfrentamos - disse Franz Dellago (N.E.: devem ter batido grampos ao lado do CEPI).


Eles disseram ainda que só no trecho inicial enfrentaram uma via de 6º grau - o máximo para o montanhismo- pois a partir dosprimeiros 100 metros, a escalada foi feita por um caminho de 5º grau. A nova rota, com um total de 95 grampos, recebeu a denominação de Via Cortina, dividida em dois subtrechos: Schneller e Cecília, este último assim denominado em homenagem a uma sambista que viram desfilar na noite de segunda-feira, em São Conrado

0 visualização
CONTATO

Av. Marechal Floriano, 199, gr. 501

Rio de Janeiro, RJ - 20080-005

Tel: (21) 98275-6488

cel@celight.org.br.

  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black Google+ Icon

© 2023 por Coach Pessoal. Criado orgulhosamente com Wix.com